Administração Barros/Pupin: em 2004 promete não privatizar, em 2007 anuncia privatização

Apresento parte de um panfleto, da eleição de 2004, onde o candidato Silvio Barros e seu vice Roberto Pupin, atualmente candidato à prefeito, assinaram se comprometendo a não privatizar nenhum serviço público.

O segundo recorte trata-se de uma publicação feita em 2006 no jornal “O Diário” onde o secretário de saúde confirma a terceirização (ou privatização) do Hospital Municipal. Repare que no último parágrafo o autor da nota dava a privatização como certa: ”as entidades vão fazer protesto, mas não vai adiantar nada”.

Na época o Sismmar encabeçou um movimento contra a privatização do Hospital Municipal. Mais de 40 entidades, partidos, associações e sindicatos participaram dos atos públicos. A população foi contra a privatização e impediu a privatização que era dada como certa.

Administração Silvio/Pupin: em 2004 prometem não privatizar, em 2006 anunciam privatização.

Uma pequena contribuição para a memória política. Lamentável que aqueles que deveriam relembrar a população disso não o tem feito. Por que será?

Categories: Sem categoria