Aplicado o mesmo peso, como fica a “cristianofobia” que aflige os homofóbicos?

Imaginem se existisse mesmo a tal cristianofobia e se o discurso da maioria da população fosse:

“Que vergonha aquele culto a céu aberto na praça Raposo Tavares e as procissões de Domingo de Ramos e Corpus Christi. Não tenho nada contra, mas porque eles não vão fazer isso entre quatro paredes, dentro de seus templos? Não tenho nada contra mesmo, tenho até amigos cristãos, mas eles se dão ao respeito, e deixam para manifestar seu culto em lugar apropriado, não em local público. Meus filhos não são obrigados a ver esse tipo de coisa”

ao invés de:

” Não tenho nada contra, mas que vivam suas vidas entre quatro paredes. Que vergonha essas paradas gays. Ninguém é obrigado a concordar com eles. Não quero que meus filhos presenciem esta pouca vergonha”

Deu para entender o que é homofobia?

Categories: Sem categoria