Feliciano, Ratinho e a cisão PT e PSC

Não sei se é só minha esta desconfiança, mas me parece já fato consumado o divórcio entre PT e PSC. Feliciano chegou a colocar até a Dilma na parede, chantageando a presidenta com a retirada dos votos evangélicos para o ano que vem caso ela não tivesse uma manifestação favorável a ele na CDHM. Caso é, que os caciques do Partido dos Sócios de Cristo na Terra tem referendado as maluquices do pastor-deputado, até mesmo ao ponto dele dizer que deixaria a CDHM se os petistas condenados também deixassem suas respectivas comissões. Chantagista do Senhor!

Ontém, no SBT, o roedor pai tomou as dores do partido abençoado do roedor filho, e usou concessão pública para lamber o pastor-deputado que chamou de “corja barulhenta”, “cristofóbicos”, “defensores da pedofilia”, “destruidores da família”, “vagabundos”, enfim, tentando desqualificar de todas as formas os militantes LGBT contrários a sua permanência na CDHM. O roedor pai não deixou de descer o porrete no Partido dos Trabalhadores, acusando-os de usar o problema da CDHM para esconder “algo estranho”.

Não esta difícil de perceber que a campanha de Feliciano a presidência do país está a todo o vapor. Como bem sabemos, o pleito acontece em dois turnos e, caso o pastor-deputado vá para as urnas enfrentando Dilma e qualquer outro, supervalorizaria o passe do PSC para a negociata no 2º turno e, claro, no rateio de ministérios e cargos. Estão dourando a pílula!

Numa clara campanha de desqualificação da luta LGBT e num empenho absurdo do roedor pai em enaltecer o pastor-deputado, evidenciou-se a estratégia do Partido dos Sócios de Cristo.

http://youtu.be/AhnDeLirl-c

Categories: Sem categoria